Quem sou eu

Minha foto
No dia 24/06/2009 fui diagnosticado com uma doença denominada Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA). Trata-se de uma doença neurodegenerativa, progressiva e sem cura. Mesmo assim insisto que vale a pena viver e lutar para que pesquisas e novos tratamentos cheguem ao Brasil no tempo + breve possível. .

18 de ago de 2016

Citopharma manipulará metilcobalamina em nova apresentação ampolas para atender pacientes de ELA


 

Por Antonio Jorge de Melo

 

É fato que, pela primeira vez desde que o Riluzol foi incorporado ao Protocolo Clínico e Diretrizes Terapêuticas para o Tratamento da ELA (Portaria 496/2009/MS), neurologistas que estiveram no 26th International Symposium on ALS/MND em dezembro de 2015, e que atuam no ambulatório de doenças neuromusculares da Unifesp, estão se valendo dos benefícios de uma nova abordagem terapêutica no manejo da ELA: o uso da metilcobalamina injetável em altas doses.   

 

Segundo esses neurologistas e professores da Unifesp, a dose recomendada é de 50mg/2ml duas vezes por semana, ou seja, 8 mono doses mensais. A questão é que hoje, o tratamento mensal da metilcobalamina injetável sai por R$600,00, mais o custo de envio, o que inviabiliza o acesso a esse tratamento para muitos pacientes.


Diante desse desafio, o MOVELA iniciou gestão junto a Citopharma Manipulação de Medicamentos 
(http://www.citopharma.com.br/contato.htm), onde um dos pontos abordados foi à proposta de redução do custo da metilcobalamina injetável. A Citopharma se comprometeu conosco de que em breve (nos próximos 15 dias aproximadamente) estará manipulando a metilcobalamina injetável 50mg/2ml também na apresentação ampola ao custo unitário de R$56,15,  a fim de atender os pacientes de ELA. Para quem optar pela  compra de no mínimo 8 ampolasa Citopharma dará  um desconto de 15%., reduzindo  o preço unitário para  R$49,00.  Hoje o frasco-ampola é vendido por R$85,00 para entregas fora do estado, e o desconto máximo  não passa de 10%..
Atualmente a Citopharma disponibiliza do produto apenas na apresentação frasco-ampola, o que onera o seu custo. Cada frasco-ampola de metilcobalamina 50mg/2ml sai por    Segundo informações das farmacêuticas Jacqueline Casula Ribeiro Pereira e Maria José Vasconcelos de Magalhães Gomes, “como o tratamento da ELA com metilcobalamina injetável é feito com uma dose fixa de 50mg/2ml (mono dose), a manipulação dessa apresentação torna-se totalmente viável, e a apresentação ampola terá um custo bem mais acessível para os pacientes”. A apresentação frasco-ampola continuará sendo manipulada para tratamentos onde é necessário ajuste de dose.